Nessa época, a exatamente a um ano atrás, eu editava e programava vários posts falando do medo que eu tinha em completar 30 anos. E imagino que pra você que tem apenas 15 anos ou então você que já está nos 45 seja algo bobo da minha parte, mas sim…eu morria de medo só de pensar que eu estava prestes a sair da “casa dos 20” porque o que eu sempre quis foi ser adulta (risos).

E estou eu aqui novamente, não para reclamar, e sim para dizer o quanto entrar para a “casa dos 30” foi muito importante e me fez crescer muito como pessoa. Sei que dizem que “é só mais um ano para a conta”, mas para mim não foi. Por este motivo fiz questão de fazer uma lista Das coisas que mudaram um minha vida para que você veja e se pergunte se isso mudou em sua vida ou então se é o que você espera que mude.

Então segue a listinha…

  • Parei de afirmar aquilo que as pessoas diziam: “Você não é capaz!” Por “Eu não tenho nada a perder mesmo! Vou me arriscar
  • Mostrei mais ousadia naquilo que eu queria para mim, e isso incomodou algumas pessoas. Acabei perdendo amizades e quem sabe perdi admiradores por conta disso, mas eu não poderia e não posso mais viver da maneira que eu vivia antes.
  • O final do tópico “2” dá origem a este, pois antes eu fazia tudo para agradar a todos. Eu queria que todos me amassem. Eu queria seguir tanto a proposta de Deus para minha vida que acabei esquecendo que nem Jesus, que era filho Dele agradou a todos, por quê eu o deveria?
  • Parei de fazer “novelinha” com os meus problemas físicos, pessoais, pscológicos e por aí vai… Do que adianta reclamar tanto se quando não é possível para mim Deus entra na jogada e meche os pauzinhos Dele?
  • Comecei a me amar e a cuidar mais de mim. Isso pode até ter acontecido de maneira muito repentina para alguns, mas para quem conhece o meu dia a dia sabe que isso vem acontecendo desde que eu tive um início de depressão. Mas que aos 30 tomou uma proporção maior.
  • Corri igual uma doida para defender meus filhos e minha família. Lembrando que não tenho referencial nenhum de uma “mãe loba”, mas chega uma hora que agente se obriga a tomar um passo grande e os meus “trinta anos” foram um marco para que isso, e também todos os tópicos que citei se tornassem diários na minha vida.

Depois de fazer essa lista eu comecei a refletir que cada ano que passa nós tratamos a vida de uma maneira diferente e quanto mais o tempo vai passando, mais vamos ganhando maturidade e acabamos percebendo que as coisas não são como agente pensava que fossem.

Ao final dos meus 30 partindo para os 31 percebo o quanto Deus têm sido fiel comigo e me mostrado algumas coisas que antes eu não via ou não queria ver. Sigo ao lado de Deus me fortalecendo e crendo que tudo o que passei em um ano não se compara ao que Ele tem para a minha vida daqui por diante porque o ontem já foi. Vamos amadurecer a ponto de aprender que os nossos erros e acertos não podem voltar, mas que podemos fazer diferente do que fizemos. Acho que amadurecer em sua base é isso!

Mas me conta… E para você? Como tem sido a sua vida? Onde e por quê você têm amadurecido? O que falta para você ser maduro em alguns aspectos na sua vida?

13 Comments

  1. Engraçado eu nunca tive medo, pelo contrário queria que chegasse logo e quando chegou me senti mais livre e todos os meus medos caíram por terra por causa do amadurecimento que chegou

  2. nossa, super te entendo, eu também quase tive depressão quando fiz 30, esse ano faço 31 e ainda nao me acostumei, mas precisamos entender que não é nada de mais, a vida segue
    adorei sua listinha, sem duvida precisamos fazer essas reflexões de vez em quando e aceitar que certas coisas nao vão mudar

  3. oi!
    Eu também tive muito medo quando estava para fazer 30 anos, pois tudo que eu havia planejado eu ainda não tinha feito. Mas percebi que não importa a idade temos sempre tempo para conseguir realizar nossos sonhos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *