Mês do Amor

Como amar o inverno a dois

Junto com o primeiro dia dessa estação amada e odiada por todos os viventes desta Terra, que é o inverno, eu resolvi fazer um post dentro do nosso universo #mêsdoamor pra falar como viver este friozinho agarradinho ou agarradinha ao seu par, e já deixo bem claro que minha intenção não é fazer ninguém amar o inverno, mas saber lidar (como eu) com essa estação de ranger os dentes.
Pra você que trabalha o dia todo e só se encontra seu amor à noite tenho uma dica muito boa, que é tomarem (os dois) um baínho bem gostoso e correrem pra debaixo das cobertas e olharem um filminho juntos, pode ser na Netflix, tv a cabo ou o que estiver passando na tv, o importante é que você e ele ou ela estejam bem aquecidos e juntinhos.

Pra você que passa um pedacinho da manhã ao lado do seu amor, ou seja já acordam carregando tudo à volta de vocês porque já estão atrasados, eu tenho uma dica de ouro: Faça como eu! Compre uma cafeteira, dessas de café expresso e faça um café super especial com umas bolachinhas ou uma fatia de bolo(que é o que eu farei quando minha mudança acabar) e seja feliz ao lado de seu par, conversando e planejando o dia de vocês a dois.

Pra você que passa o dia todo com seu amor, faça algo diferente! Saia para almoçar a sós com ele ou ela. Ou simplesmente faça um lanche ou tome um cafezinho com ele. Porque muitas vezes nós precisamos ficar a sós com o nosso amor para sair da mesmice do dia a dia. Por falar nisso estou precisando sair da mesmice com o meu amor kkkk.

Então é isso gente! Dei algumas dicas de como iniciar esse inverno que está aí batendo na nossa porta e que promete muito frio pra esse ano. E como disse, não quero fazer você amar o inverno, até porque eu não sou dessas! Mas quero que você aprenda a usufruir desta estação, ainda mais se você for aqui do Sul, como eu.

té a próxima queridinhos!

E que venhamos curtir esse friozinho ao lado do nosso amor lindo!

Que Deus continue abençoando e cuidando das nossas relações.

 

 

**Se você gostou deste conteúdo, veja mais em Os opostos se atraem

Deixe seu comentário

*